Inquérito aos Eleitores 2008

Inquérito aos Eleitores 2008 - PT

Dados e documentação em livre acesso.
Comentários bem-vindos!

Investigadores principais

André Freire, Centro de Investigação e Estudos de Sociologia, Instituto Universitário de Lisboa (CIES-ISCTE-IUL).
José Manuel Leite Viegas, Centro de Investigação e Estudos de Sociologia, Instituto Universitário de Lisboa (CIES-ISCTE-IUL).

Assistentes de investigação

Filipa Seiceira – Assistente de Investigação Principal
Pedro Fragoso – estagiário

Dimensões de análise

A. Democracia e representação
B. Avaliação das condições económicas nacionais
C. Opinião em relação à função de deputado
D. Confiança interpessoal e nas instituições
E. Ideologia e identidade partidária
F. Avaliação do desempenho do governo
G. Assuntos políticos e políticas públicas
H. Confiança nos dirigentes institucionais e políticos
I. O governo e sistema eleitoral
J. Representação política e deliberação democrática
L. Participação política
M. Tolerância política
N. Sentido de voto
O. Participação associativa
P. Exposição aos meios de comunicação social
Q. Dados pessoais e contexto sócio-demográfico

Amostragem

Universo - indivíduos com 18 ou mais anos de idade residentes em localidades com 10 ou mais fogos em Portugal Continental.
• Dimensão da Amostra - 1350 indivíduos.
• Processo de amostragem - Esta é uma amostra representativa da população portuguesa, estratificada por região e habitat. Dentro de cada localidade foi aplicado o método de random route de forma a assegurar uma boa distribuição dos lares seleccionados a toda a extensão da localidade. Por sua vez, em cada lar foi seleccionado o último aniversariante.

Normas de citação bibliográfica

Freire, André e Viegas, José Manuel (coordenadores), “Inquérito à População Portuguesa – Base de Dados, 2008”, in Freire, André, Viegas, José Manuel, Seiceira, Filipa (2009), Representação política em Portugal – Inquéritos e Bases de Dados, Lisboa, Sextante. Também disponível em: http://er.cies.iscte-iul.pt/

Referências:

Belchior, A. M. (2014), ‘Explaining MPs' perceptions of voters' positions in a party-mediated representation system: Evidence from the Portuguese case’, Party Politics, vol. 20, no. 3, pp. 403-415. http://ppq.sagepub.com/content/20/3/403

Ana Belchior & André Freire (2013), «Is Party Type Relevant to an Explanation of Policy Congruence? Catch-all versus Ideological Parties in the Portuguese Case», International Political Science Review, Vol. 34, Nº 3, pp. 273-288.

André Freire & Ana Belchior (2013), “Ideological Representation in Portugal: MPs-Electors Linkages in Terms of Left-Right Placement and Substantive Meaning”, Journal of Legislative Studies, 19, No.1 (March 2013), pp. 1-21.

Freire, André, Viegas, José Manuel, & Seiceira, Filipa (2009), Representação Política em Portugal – Inquéritos e Bases de Dados, Lisboa, Sextante.
(relevant methodological information should be consulted in this Booklet)

Freire, André & José Manuel Leite Viegas (editors) (2015), Political Representation in Portugal: The Years of the Socialist Majority, 2005-2009, E-book, Authors’ Edition, Leya,
http://www.amazon.co.uk/s/ref=nb_sb_noss/276-8391976-1681647?url=search-...

Olivier Costa, André Freire Jean-Benoit Pilet (2012), Editors of the Symposium “Political representation in Belgium, France, and Portugal: MPs and their constituents in very different political systems”, organizado para a Revista Representation – Journal of Representative Democracy, Volume 48 (4), pp. 351-418. (4 articles plus introduction) http://www.tandfonline.com/toc/rrep20/48/4#.UeKDII1JPpU